Relacionamento: É durante que se aprende a sobreviver ao fim ;D

quarta-feira, março 27, 2013 Flávia 0 Comments


Pé na bunda. Quem nunca? :P
Acho mais prático colocar desse modo. Afinal, quem nunca terminou um relacionamento antes? Uma vez, duas vezes, cinco vezes até você encontrar o amor de sua vida e ser feliz para sempre (sim, eu acredito). O fato é que pé pra dar na nossa bunda tá cheio por aí, gente e temos que aprender que terminar um relacionamento não é o fim do mundo. É mais um recomeço, entre os tantos que temos que enfrentar no dia a dia. 
Não tô dizendo que é fácil! A gente sofre, se descabela e é muito importante passar por essas fases complicadas até conseguirmos superar de vez. A psicologia chama isso de 'luto' e esse termo não serve só para términos de relacionamento, mas para inúmeras situações de perda pelas quais passamos durante a vida e que temos que nos recuperar e seguir em frente. O luto é um processo que precisa ser vivenciado e por isso, podemos chorar, sentir raiva, desacreditar e ficar na capa da gaita. Desde que seja pra depois voltarmos para a 'luz' bem lindas e loiras (ou morenas, ruivas, carecas - whatever)!
Mas eu acho que dá pra facilitar esse processo de luto se, durante o relacionamento, a gente ter cuidado com algumas coisinhas. Fiz uma listinha básica com dicas que servem tanto para manter seu relacionamento mais saudável, como para facilitar sua sobrevivência  caso ele venha a terminar. E principalmente, servem pra você poder viver bem e feliz consigo mesma, independente da companhia. Dá uma olhada:



01. Mantenha o amor próprio - Não se submeta a relacionamentos que não te fazem bem, que colocam você em situações que vão contra ao seus princípios ou ao que você espera daquele relacionamento. Nenhum sacrifício pela outra pessoa vale a pena se te faz mal. Relacionamentos só devem ser mantidos se nos deixam felizes, certo?
02. Não trate seu namorado como centro do universo - Porque ele não é. Existe muuuita vida além desse par de calças lindo, sensual e barbudo. Não faça sua agenda de compromissos baseando-se na dele. Tire um tempo pra si e para fazer o que gosta. Enquanto ele vai jogar futebol, não surte achando que ele não te ama mais. Marque um encontro com os amigas, faça aula de violão, vá ao shopping, assista um filme. É importante sentir-se bem e tranquila em sua própria companhia ;)
03. Nunca abandone suas amigas - Esse item está diretamente relacionado ao outro. Seu namorado não é a única pessoa importante da sua vida. Nunca deixe de sair com as amigas para curtir, se divertir e fofocar. Caso contrário, quando você levar um pé na bunda, não vai ter ninguém pra te ajudar a sair do buraco. Cultive as relações que você tinha antes de começar a namorar, sabendo que elas estarão lá sempre!
04. Não deixe de ser quem você realmente é - Tem gente que acha que namorar é gostar de tudo que a outra pessoa gosta e fazer tudo que o outro faz. Aprenda uma coisa: se o cara te ama de verdade é pelo que você é. Não vai te amar menos porque você não gosta de sertanejo e não usa roupa de biscate igual a ex dele. Mantenha sua identidade e seus valores e não use ou faça coisas de maneira forçada apenas para agradar. Casais completamente iguais se tornam chatos e cansativos. Valorize sua personalidade e seja sempre você mesma. Se o cara quiser que você mude é porque não vale a pena. E o mesmo vale pra você. Não tente mudar a outra pessoa. Relacionamentos são feitos por duas pessoas diferentes, que devem se respeitar, ceder e compreender o outro.
05. Não relaxe - Não é porque você está namorando, que vai relaxar no visual, vai se deixar engordar vários quilos e usar roupa furada :P Continue com sua rotina de exercícios, cuidando da pele, dos cabelos e dos looks. Isso vai manter sua auto estima em alta, o que vai fazer seu namorado babar por você sempre e facilitar sua vida se a solterice chegar.
06. Dê um passo de cada vez - Você conhece o cara e um mês depois já está planejando o casamento e pensando nos nomes dos filhos. Pare um pouco e respire. Deixe rolar. Aproveite o relacionamento pelo que ele tem de bom no momento e se as coisas evoluírem, ótimo. Agora, se tudo der errado, a queda vai ser muito menor se você não estiver aí sentada salvando fotos de vestidos de noiva em apenas dois meses de namoro.
07. Tenha opinião! - Deixe seu ponto de vista sempre claro e exponha seu modo de ver as coisas. Quando estiver chateada, não fique reprimindo seus sentimentos. Converse com o broto, diga o que sente, o que concorda e o que discorda. Isso irá te fazer sentir muito mais leve e não vai fazer você ficar se remoendo por não ter dito tudo que queria durante o relacionamento.
08. Não tenha medo de ser feliz - Namorando ou não, o mais importante é não ter medo da felicidade. Sendo verdadeira consigo mesma e com o outro, se respeitando e cultivando boas relações, fica muito mais fácil viver rodeada de alegrias e se jogar de roupa e tudo nas coisas boas da vida. Aprenda que todos os momentos servem como aprendizado e que tudo tem seu lado positivo. A felicidade não tem receita pronta e por isso cada um deve buscar a sua, sem atribuí-la a algo ou alguém. 


Seja feliz por você ;D

You Might Also Like

0 comentários:

Faça-nos felizes: Comente este post! :D